PEA “PROJETO ESPECIAL EM AÇÃO” COMO SUPORTE DA INCLUSÃO DO ALUNO COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL NA ETAPA DE ALFABETIZAÇÃO E SUA IMPORTÂNCIA

Solange Plaça

Resumo

Com o objetivo de esclarecer até que ponto o Projeto Especial de Ação – PEA faz parte da formação dos educadores na Unidade Escolar e sua contribuição a respeito da inclusão do aluno com deficiência intelectual no ensino regular de nove anos. Registro diferentes formas de ver o ser humano com deficiência intelectual, passando pelo abandono, superproteção, segregação, integração e atualmente a inclusão. Sabe-se que este conceito tem uma relação estreita com as concepções sociais, políticas, econômicas e ideais que norteiam cada período da história. Com a contribuição de diversas bibliografias e prioritariamente informações do MEC – Ministério de Educação e Cultura e os documentos da Secretaria Municipal de Educação de São Paulo. Para garantir a inclusão, além do poder das políticas públicas contribuir para criar espaços, assegurar direitos e deveres, promover projetos, há necessidade das parcerias nas Unidades Escolares da Equipe Multidisciplinar até mesmo nas reuniões de formação dos educadores. Entende-se que para a formação dos professores na inclusão escolar precisa ser um processo que realmente busca garantir uma educação de qualidade, sendo uma escola de qualidade, necessariamente, atenderá as necessidades especiais de todos os alunos.

Palavras-Chave: 

Deficiência Intelectual; Integração; Educação Inclusiva; Formação Continuada.

PDF_ico.png