INVESTIGANDO RELAÇÕES ENTRE CRENÇAS CONSTRUÍDAS PELO PROFESSOR INICIANTE E A REALIDADE VIVIDA NA ESCOLA

Kátia Maria da Silva Lima, Ailton Souza de Oliveira

Resumo

O estudo investiga as crenças que o jovem professor constrói sobre a profissão, bem como pesquisa sobre que relação há entre as crenças construídas e a realidade da escola encontrada quando o professor inicia a vida profissional. O campo de estudo privilegiou duas escolas da rede pública, uma municipal e uma estadual, ambas do município de Bataguassu-MS. Os sujeitos participantes foram cinco professoras, sendo duas regentes no Ensino Fundamental, duas da Educação Infantil, e uma professora de Artes, que ministra aula para a Educação Infantil. A coleta de dados se deu por meio de entrevistas semiestruturadas, tratando-se, portanto, de uma investigação qualitativa, com dados descritivos. Os resultados mostraram que professores que adentram a profissão docente continuam passando pelas mesmas dificuldades inerentes as fases iniciais na carreira tão discutidas por Huberman (2000), apesar de toda a formação acadêmica obtida e dos estágios proporcionados os professores ainda imaginam que encontrarão alunos disciplinados, conhecedores dos seus deveres de alunos, obedientes e respeitosos, e acabam sendo surpreendidos.

Palavras-Chave: 

Identidade docente; Prática pedagógica; Início de carreira.

PDF_ico.png