OS DESAFIOS DA GESTÃO DEMOCRÁTICA

Andreia Patricia da Silva Takacs

Resumo

Os desafios de gerir uma unidade escolar começam desde o momento que o gestor aceita o cargo, seja ele concursado, comissionado ou eletivo, pois o fato de “direcionar” uma escola, com inúmeros funcionários, professores e alunos, é antes de tudo, um dom. Dom esse que se torna um fardo caso o profissional da gestão não tenha a “Visão Democrática” que o cargo exige, bem como a “sensibilidade” em administrar todas as situações que envolvem o dia a dia escolar, com seus problemas de indisciplina, falta de professores e profissionais da equipe de apoio (cozinha, limpeza, secretaria) que muitas vezes não cumprem com suas obrigações. Atualmente, o termo Gestão Democrática, é largamente utilizado em discursos e planejamentos pelo Brasil afora, mas o que quer dizer realmente? Será que os gestores educacionais estão preparados para assumir os encargos de tornar uma “escola comum” numa “escola democrática” realmente? Será que os alunos entendem o que é ser democrático, ou simplesmente que se trata de “liberdade exagerada”, quase uma libertinagem? São assuntos abordados nesta pesquisa, e que levam nossa consciência ao devaneio de transformar uma escola num lugar que todos entendam a importância de “agir democraticamente, sem escolher função, cor, idade, sexo ou partido político”.

Palavras-Chave: 

Gestão Escolar; Liderança; Gestão Democrática; Qualidade Educacional; Desafios Educacionais.

PDF_ico.png