UMA ANÁLISE SOBRE A COMUNIDADE PESQUEIRA:
COLÔNIA DE PESCADORES Z-19 DE PONTO LEMOS

Francisca Maria da Conceição, Cássia Moreira da Silva, Aires José Pereira

Resumo

Compreender a formação socioespacial da colônia de pescadores Z-19, situada às margens do rio Araguaia, no povoado de Porto Lemos Município de Santa Fé do Araguaia – TO e como a mesma ocorreu. Observar e posteriormente descrever a rotina de trabalho dos pescadores, como os mesmos usam o espaço geográfico oferecido a eles, e também como é respeitado o período da piracema. Traçar um perfil socioeconômico dos membros da colônia e também fazer uma associação entre o turismo veraneio e a profissão pesqueira, como isso ocorre e como mantém o legado cultural e a identidade que eles tentam tanto manter viva. Identificar as dificuldades enfrentadas pelos pescadores, bem como, verificar se há continuidade no trabalho dos mais velhos pelas novas gerações, além de demonstrar a realidade vivida pelos pescadores e levantar uma discussão sobre aplicabilidade de políticas ambientais relacionados ao período da piracema e como isto imposta à vida dos pescadores.

Palavras-Chave: 

Colônia de pescadores Z-19; Povoado Porto Lemos; Santa Fé do Araguaia – TO.

PDF_ico.png