PECADO NO PERÍODO IMPERIAL:
AS RUIDOSAS AVENTURAS DAS AMANTES

Elisangela Aparecida Souza Lemes da Silva

Resumo

Este artigo tem por objetivo analisar as histórias das amantes no período imperial brasileiro e as relações de gênero na sociedade, a partir da relação da Marquesa de Santos e seu relacionamento com o Imperador D. Pedro I. A ideia é relatar essas informações, especialmente as Ordenações Filipinas, com o intuito de entender as diferenças que existiam entre a Igreja e a Monarquia Portuguesa, no que concerne às relações entre marido e esposa. A distinção entre os gêneros era bastante habitual, no caso das punições referentes ao adultério, pois embora a Igreja acatasse o divórcio, não priorizava a honra masculina e a morte da esposa, o que é um indicativo da importância e da preservação da vida.

Palavras-Chave: 

Adultério; Relações de Gênero; Titila; Demonão.

PDF_ico.png