AS DIFERENTES CONCEPÇÕES DE CURRÍCULO INTEGRADO

Mariani Scalari Basque

Resumo

O currículo representa uma poderosa ferramenta para o movimento de observação, reflexão e intervenção na dinâmica escolar. Possibilita compreender o que se processa no interior e os vínculos entre o que se vive na escola e a comunidade onde está se localiza. De igual forma, possibilita ainda estabelecer limites entre o que é "específico" da escola e o que "pertence" ao conhecimento da sociedade em geral. Com um novo viés ideológico que atualmente está no MEC e tenta impor teorias que renegam a cientificidade para enaltecer uma determinada religião, há vários projetos de lei que tramitam nas câmaras municipais, assembleias legislativas e Congresso nacional para a mudança do currículo. Assim, este tema voltou a ser tema de controversas e discussões políticas, tanto na mídia quanto nas redes sociais. Este artigo apresenta reflexões do que é currículo e quem escolhe os conteúdos a serem passados aos alunos, sobretudo a quem esse determinado currículo atende filosoficamente. Este artigo traz abordagens teóricas sobre as várias concepções de currículo integrador e sobre a quem a educação serve em uma economia neoliberal e destruidora de direitos e igualdade.

Palavras-Chave: 

Currículo; Educação; Aprendizado; Integrador.

PDF_ico.png