ÁFRICA EM MOVIMENTO: A INFLUÊNCIA AFRICANA NA LÍNGUA PORTUGUESA

Cristiana Nascimento Portugal

Resumo

A África pode ser considerada o continente da diversidade lingüística considerando a dinamicidade das línguas, haja vista que percentualmente ocorrem menos processos de substituição, sendo aproximadamente 20 % em contraste com os 50 % globais. Outro aspecto importante é que, enquanto em outras regiões do mundo as línguas que se extinguem são substituídas por línguas européias, em África são outras línguas africanas que vêm ocupar o espaço das subordinadas, por exemplo: suaíli, wolof, haussa, fulani, xixona.Justifica-se esse projeto pela a influência africana na língua portuguesa, pois está em seu processo de formação possui ligação direta com várias línguas entre elas indígena, africanas e também dos vários imigrantes que vieram ao Brasil durante sua história e processo de formação para enriquecer o léxico da língua portuguesa brasileira. O propósito deste projeto é de promover uma identidade ao educando de valorização da cultura africana e acima de tudo da multiculturalidade brasileira a partir da língua. As considerações finais que se obteve neste trabalho são as de que tanto, no campo linguístico quanto no cultural, a contribuição africana é elemento fundamental para a compreensão dos fenômenos variacionistas que tanto caracterizam o português brasileiro como uma língua criada na efervescência do contato entre línguas e culturas que se encontraram e se fundiram nesse país continental. A fonética e fonologia são fatores que marcam a variante regional e social do português brasileiro, e em alguns casos eles sofreram influência da língua africana em sua constituição. A metodologia aplicada na pesquisa foi a qualitativa e a bibliográfica. Concluímos que herdamos muitos vocábulos africanos, mas que são tratados e repassadas para os brasileiros de forma trivial, e que apesar do incentivo da lei nº 10.639/2003, seu ensino nas escolas é pouco valorizado.

Palavras-Chave: 

África; Cultura; Multiculturalidade; Diversidade lingüística

PDF_ico.png