UM OLHAR SOBRE A CULTURA AFRICANA NA ESCOLA

Cláudia Aparecida de Oliveira Werneck Regina

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar como a cultura africana e afro-brasileira e seus desdobramentos é trabalhada na sala de aula tendo em vista as transformações curriculares ocorridas a partir da lei 10.639/2003 e sua regulamentação pelo parecer CNE/CP 03/2004 e pela resolução CNE/CP 01/2004 (BRASIL, 2005), a partir das quais o ensino de História da África e cultura afro-brasileira tornou-se um componente curricular obrigatório em todos os níveis de ensino do país. A partir da implementação da lei surge a possibilidade do questionamento do modelo eurocêntrico bem como da construção de um modelo educacional que contemplasse a diversidade cultural na escolas No presente trabalho, por meio de pesquisa bibliográfica, analisamos como essa mudança curricular é vivenciada dentro da sala de aula por professores e alunos, bem como suas possíveis consequências nas relações étnico-raciais dentro e fora do ambiente escolar.

Palavras-Chave: 

Currículo; Diversidade cultural; História; Ensino Educação; Relações étnico-raciais.

PDF_ico.png