EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO CONTEXTO DAS ESPECIALIDADES: FONOAUDIOLOGIA PRESENTE NOS AVANÇOS DE APRENDIZAGEM

Lindomar Santos Carvalho

O artigo apresenta de forma geral por meio da análise bibliográfica, explorar a Fonoaudiologia Educacional no que se refere aos transtornos da fala. Podemos afirmar que as crianças que apresentam defasagem nas habilidades de fala e linguagem tendem a apresentar padrões de longo prazo da fala, bem como do desenvolvimento da linguagem passam por processos de difícil adequação. A progressão dessas crianças em seus âmbitos sociais e estudantis representa uma ampla gama de desenvolvimento típico. Embora pesquisas sobre a persistência de atraso na fala e na linguagem sugiram que muitas crianças que estão atrasadas para começar a falar, quando ainda em tenra idade mostram ganhos na linguagem que eventualmente as colocam na extremidade inferior da faixa normal, um número de crianças que falaram tarde quando, têm distúrbios de linguagem persistentes ao longo dos anos pré-escolares. O significado do presente instrumento vem de encontro com as possíveis necessidades de observação sobre o fenômeno, dessa maneira, a pretensão de ampliar o campo investigativo pode ser alvo de futuras inquietações posteriores.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Fonoaudiologia; Educação; Desenvolvimento; Linguagem.

Baixar texto completo

PDF_ico.png