AFASTAMENTOS POR SAÚDE ENTRE PROFESSORES

Celia Prudencio Silva

Elza Fernandes

Rildo César Morais Arruda

Rosimeire Leal de Oliva

O adoecimento laboral é um fenômeno mundial e, no ambiente docente, agrega discussões recorrentes sobre condições de trabalho, suporte profissional e sofrimento docente. O objetivo deste artigo foi discutir as bases do adoecimento de professores que leva ao afastamento de sala de aula. Esta revisão de literatura foi conduzida pela seguinte problemática: “quais os principais fatores e impactos do afastamento docente para cuidado com saúde”? Foi observado que o adoecer docente, sob esta ótica, tem relação direta com a precarização do trabalho e manifestadas, em uma ótica física, palpável e epidemiológica, o sentido dos problemas históricos e, ao mesmo tempo emergentes, que tornam o magistério uma profissão desafiadora – agora também à saúde.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Afastamentos por Saúde; Docência; Doenças Laborais.

Baixar texto completo

PDF_ico.png