O BRINCAR NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Eliana Ferreira

Rafael Silvério de Moraes

O brincar constitui como atividade fundamental para crianças pequenas, pois ao brincar elas descobrem o mundo, se comunicam e se inserem no contexto social. Brincar é um direito da criança e de suma importância para seu desenvolvimento, fazendo-se necessário que as escolas de ensino infantil voltem a atenção para essa atividade. A proposta do presente trabalho consistiu-se na discussão da presença do brincar no contexto educacional infantil enquanto primeira fase do ensino fundamental. Os diversos meios de mediação do professor, os materiais, brinquedos e organização dos ambientes influenciam grandemente no bom aproveitamento do brincar pelas crianças, tendo em vista que a aprendizagem decorrente dele. Não basta simplesmente o brincar, mas com qualidade, dando a devida atenção os agentes mediadores da atividade. É possível identificar que o brincar está presente na escola e que existe um tempo dedicado à ele, no entanto, ainda falta a preocupação relacionada como acontece, e quanto aos matérias disponíveis. Ao final desse trabalho foi possível apresentar que é o brincar, bem como identificar suas contribuições dentro do cotidiano escolar tendo em vista a conscientização de sua importância de sua utilização nos espaços educativos.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Brincar; Mediação; Educação Infantil.

Baixar texto completo

PDF_ico.png