GAMIFICAÇÃO NA EDUCAÇÃO E NO ENSINO DA ARTE

Andréia Ana Aparecida Silva Leal

Resumo

A gamificação (gamification, em inglês) é a aplicação de diversas estratégias dos jogos nas atividades do dia a dia, com o objetivo de aumentar o engajamento e participação dos estudantes e melhorar o desenvolvimento em disciplinas curriculares. Ludificação, também chamado de gamificação, é o uso de técnicas de contextos diversos design de jogos que utilizam mecânicas de jogos e pensamentos direcionados para enriquecer conteúdos que anteriormente não eram relacionados a jogos. Ela se baseia no “game thinking", conceito que abrange a integração do game thinking com outros saberes do meio e do design. É uma técnica de grande importância, pois visa facilitar o aprendizado usando jogos em diversas situações que não são brincadeira, tornando os conteúdos mais densos em materiais mais acessíveis e dinâmicos. Ou pelo menos elementos deles : competição, cooperação, resolução de problemas, passar de fases, ganhar prêmios etc. Os benefícios para os estudantes são imensos, os jogos despertam prazer de aprender, o protagonismo na aprendizagem, a autonomia, o desenvolvimento da memória e da assimilação de conteúdos , e ajudam a desenvolver as habilidades socioemocionais tão desejadas pelo mercado de trabalho nesse momento. Na educação a gamificação pode ser uma ferramenta poderosa para atrair e reter a atenção dos alunos, principalmente os mais jovens onde a participação onde um dos objetivos é tornar os momentos de estudo mais divertidos associando o aprendizado a algo agradável e prazeroso. Esse artigo pretende apresentar o contexto da gamificação, suas principais estratégias de engajamento, assim como apontar as questões relevantes no processo de aprendizagem com foco no aprendizado partindo do engajamento que a gamificação proporciona.

Palavras-Chave: 

Educação; Artes; Gamificação.

PDF_ico.png