EMPATIA E A AFETIVIDADE E NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Girlane Gomes Dutra da Silva

Resumo

O objetivo deste trabalho é apresentar reflexões sobre a importância da empatia e da afetividade e dos vínculos afetivos como fator predominante para a aprendizagem de crianças. Para alicerçar e fundamentar a importância deste trabalho, busquei informações nas referências teóricas baseadas nas ideias de Cunha (1999). Da mesma forma, as contribuições de Wallon, Vygotsky e de Piaget (1994), foram importantes para caracterizar um professor com olhar afetivo, e que se preocupa com a aprendizagem e seus alunos e, ao mesmo tempo, com a qualidade dessa aprendizagem, que deve ser significativa para o aluno, onde ele possa trazer suas experiências, fazer trocas, interagir, enfim estabelecer vínculos. A partir deste trabalho pode perceber e constatar porque é importante que se tenha, na escola, uma educação pautada por afetos e também um educador compromissado, competente e afetivo.

Palavras-Chave: 

Afetividade; Aprendizagem; Empatia.

PDF_ico.png