A ESPIRAL HISTÓRICA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA NO ENSINO SUPERIOR E SUA VOZ NO TEMPO: RELATO DE EXPERIÊNCIA DE ADULTO NO TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA (TEA)

Maria Isabel Silva de Morais, Armindo Quillici Neto, Maria Juliana Dias

Resumo

Além de direito social, a educação é um pilar de construção de identidade e autonomia. Nesse campo, destaca-se a Educação Inclusiva por agregar, garantir acesso e permanência, gerar alteridade. Este artigo pretende refletir acerca da história da educação, a partir de um relato de experiência de um adulto na condição do espectro autista (TEA). Acredita-se, dessa maneira, na importância do registro da complexidade do campo da educação inclusiva e, a partir disso, provocar reflexões para novos relatos, pesquisas e análises para a formação de professores, composição dos espaços e profissionais de núcleos de educação inclusiva. Assim, construir possibilidades de educação para autonomia, dando voz e vez aos muitos autistas que têm e terão na educação a possibilidade de se desenvolver na integralidade.

Palavras-Chave: 

História da Educação; Educação Inclusiva; Autismo.

PDF_ico.png