ESTÁGIO SUPERVISIONADO EM TEMPOS DE PANDEMIA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA DE ESTÁGIO REMOTO EMERGENCIAL

Danyelle Galvão Sousa

Resumo

Este trabalho apresenta um relato da experiência do estágio de Língua Portuguesa no 9º. ano do Ensino Fundamental de uma escola pública da Paraíba em contexto de ensino remoto emergencial. Dada a natureza deste trabalho, um relato, do ponto de vista metodológico, ele se aproxima de um estudo de caso. Fundamenta as discussões a concepção de formação de professores em uma perspectiva reflexiva e dialógica (FLORES, 2010), e de estágio curricular obrigatório nas licenciaturas como um espaço de interação, de letramento e de pesquisa (PIMENTA; LIMA, 2005). Por meio da descrição das atividades, é possível perceber que, nesse contexto de ensino remoto emergencial, aumentaram as exigências aos professores tanto em serviço quanto em formação inicial, os quais, assim como os alunos, tiveram que se reinventar, sobretudo no que diz respeito ao uso de recursos das novas tecnologias digitais de informação e comunicação e, consequentemente, às novas formas de interação que emergem com o uso desses recursos. Com isso, podemos concluir a importância da aquisição das tecnologias digitais e a contribuição profissional e os impactos dessa nova realidade para professores.

Palavras-Chave: 

Estágio supervisionado; Língua Portuguesa; Ensino Fundamental; Ensino Remoto.

PDF_ico.png