A FORMAÇÃO E O OFÍCIO DOCENTE: A UTOPIA DE SER PROFESSOR NO SÉCULO XXI

Kethullin Rezende Trindade

Resumo

Nesta reflexão, pretendemos contrapor ideias quanto a formação de professores e propostas de construção de uma perspectiva diferente, para a formação permanente e continuada do professorado. Considerada um campo novo de estudos, a formação do professorado, desenvolve-se em meio a reflexões sobre o currículo, administração e gestão escolar. Para no século XX esta temática sobrepõe as outras problemáticas sociais e educacionais existentes. Os autores Nóvoa (2008) e Ibernóm (2001), abordam esta temática, evidenciando a importância de uma mudança tanto nas instituições educacionais como na sociedade, no que se refere as concepções de educação. Sendo somente por meio de tais definições que poder-se-ia realizar uma efetiva formação de professores em outros moldes. Assimilando o conceito de utópico de Paulo Freire (1983), para refletir a complexa questão de ser professor no século XXI, também relacioná-lo quanto ao pensamento pedagógico discutido em Gadotti (2007), que reivindica uma nova postura dos docentes formadores, instituições de formação e a possibilidade de reflexão quanto a nossas práticas quanto professores atuantes e em formação.

Palavras-Chave: 

Formação de professores; Educação; Profissão; Prática.

PDF_ico.png