A ESCOLA E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE DE DESCENDENTES DE POVOS NEGROS: UMA VISÃO PSICANALÍTICA

Luana Brandão Cisi Luiz

Resumo

O presente artigo destina-se a abordar a formação da identidade de indivíduos descendentes de povos negros, por meio da escolarização e currículo escolar, em uma perspectiva psicanalítica. Para tanto elencou-se como objetivo geral analisar a formação da identidade de pessoas descendentes de povos negros no Brasil, a partir da escolarização obrigatória nas instituições de ensino públicas do país. Utilizou-se a metodologia de revisão bibliográfica, que procurou debruçar-se sobre as obras, principalmente de Souza (1983), Munanga (2005) e Freud (1923). Por meio da pesquise, conclui-se que a escola ainda veicula muitos estereótipos relacionados a preconceitos contra o povo negro, o que gera dificuldades psíquicas nos descendentes desse povo e consequentemente dificuldades na formação de sua identidade.

Palavras-Chave: 

Identidade; Psicanálise; Educação; Currículo; Preconceito.

PDF_ico.png