INTERVENÇÃO PSICOPEDAGÓGICA PARA A CRIANÇA COM TDAH

Luciane Meire dos Santos

O artigo apresenta um problema comum nas instituições escolares: o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade – TDAH: que ocasiona dificuldades relacionadas à concentração, memória, hiperatividade e impulsividade. O estudo das dificuldades de aprendizagem envolve determinantes sociais, culturais, pedagógicos, psicológicos e médicos. Assim, é importante o trabalho interdisciplinar, com a participação de especialistas das áreas de pedagogia, fonoaudiologia, psicologia e médica; fundamental para aquisição de uma visão global da dificuldade, para melhor avaliar e compreender a interação dos vários fatores envolvidos, Pretende-se com esse estudo colaborar para a inclusão de alunos com TDAH nas escolas regulares, objetivando a elaboração de um plano de atendimento educacional especializado, com ações, atividades, recursos e parcerias de fundamental importância para colaborar com a superação dos desafios próprios da criança com TDAH. Deste modo, a ação didático-pedagógica direcionada para estes alunos deve estimular sua autoestima, levando em conta a sua falta de concentração, em que o professor deverá buscar estratégias diversificadas a fim de manter o aluno sempre motivado, estimulando as habilidades sociais, afetivas e cognitivas, favorecendo a convivência em grupo, a troca de experiências e informações.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Dificuldades de aprendizagem; TDAH; Interdisciplinaridade.

Baixar texto completo

PDF_ico.png