A SUPERVISÃO ESCOLAR E O TRABALHO EM EQUIPE

Luciene Suzarte Santos

O artigo tem como finalidade apresentar instrumentos teóricos que fundamentam a atuação do Especialista em Gestão Escolar com conhecimentos integrados em Supervisão, Orientação, Administração e Inspeção. Tendo como objetivo primordial analisar e apresentar fundamentos de uma Gestão Democrática que trabalhe com pessoas e que descortine o real significado da atuação e atribuições que qualifiquem positivamente uma Gestão integrante do ambiente escolar, e que ainda atribua resultados positivos e interacionais que envolva o corpo discente e docente assim como demais colaboradores e a comunidade como um todo, pais/responsáveis e familiares. Um gestor com liderança que participe democraticamente e que possibilite a mediação humanista compartilhando mecanismos para a formação de cidadãos críticos e autônomos, com fundamentação legal que abrange parâmetros educativos e administrativos com respeito aos níveis hierárquicos que conheça e respeite as singularidades da comunidade local. Trabalhar com pessoas é um desafio, independente da área de atuação, logo, o Gestor Escolar irá atuar supervisionando, orientando, inspecionando e administrando o trabalho e atuação de pessoas com diferentes especificidades concluindo um ambiente onde todos objetivam um mesmo ideal o pleno atendimento educacional que atenda o desenvolvimento e aprendizagem.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Alunos; Escola; Gestão Escolar; Integração; Pessoas.

Baixar texto completo

PDF_ico.png