POLÍTICAS PÚBLICAS DE INCLUSÃO ESCOLAR:
ESTUDO NA REGIÃO DA CAPELA DO SOCORRO EM SÃO PAULO

Ivanilde de Souza Tenaglia

As políticas públicas surgiram na década de 60, nos Estados Unidos, por ser o país mais democrático, no entanto é preciso diferenciar a forma pela qual elas foram elaboradas e quais foram os modelos de Estado que deram origem à elas para então compreende-las e analisá-las. Atualmente, apesar de o tema ser muito recente, existem boas políticas de inclusão na área educacional, entretanto ao analisá-las no cotidiano das escolas, notamos que nem sempre estão funcionando ou sendo cumpridas, devido à fatores diversos, internos e externos, que acabam afetando no ensino-aprendizado dos alunos com necessidades educacionais especiais – NEE. Apesar de o presente trabalho ter sido realizado apenas em uma Diretoria Regional de Ensino da Rede Municipal, é possível verificar a falta de efetividade das políticas e legislações que defendem os educandos NEE em toda a rede, já que foram utilizados dois métodos de pesquisa – direta e indireta – validando o trabalho.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Inclusão; Educação; Políticas Públicas; Escola.

Baixar texto completo

PDF_ico.png