EXPOSIÇÃO DE LEONARDO DA VINCI: UMA EXPERIÊNCIA INTERDISCIPLINAR

Alcione Aparecida Souza de Lima

Lourdes Aparecida Portela de Sá

Este trabalho analisa como uma visita à exposição de Leonardo da Vinci pode se constituir um importante contato com a arte para os alunos do ensino fundamental. Nesta mostra, o aluno poderá conhecer a vida e o legado de Da Vinci, por meio de projeções e réplicas de máquinas desenhadas pelo artista italiano. O professor pode aproveitar o tema e as obras de Leonardo da Vinci, para estabelecer a relação entre a arte e outros componentes curriculares e enfatizar a importância de uma formação multidisciplinar, para o desenvolvimento integral do sujeito. Este artigo contribui para discussões acerca da articulação entre arte e educação, e ressalta a necessidade a proporcionar experiências mais significativas, para a formação de cidadãos críticos e reflexivos. Conceitua interdisciplinaridade e usa como referência a obra de Leonardo da Vinci com o objetivo de transformar em atitude pedagógica comprometida com a superação da fragmentação do conhecimento escolar. Sugere atividades de releitura das obras de arte para que os alunos possam estabelecer relações entre o seu cotidiano, a arte, história e matemática, resultando numa produção artística. Concluiu-se que o professor deve utilizar diferentes metodologias para incentivar o interesse dos alunos pelas diversas áreas de conhecimento possibilitando a criticidade, criatividade e proporcionando o momento do fazer artístico, em que os alunos poderão se expressar artisticamente. Este trabalho trata-se de uma revisão bibliográfica de autores especialistas da área: Fazenda (1979); Barbosa (2009).

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Arte; Interdisciplinaridade; Leonardo da Vinci.

Baixar texto completo

PDF_ico.png