AFETIVIDADE ENTRE PROFESSOR E ALUNO NO PROCESSO DE APRENDIZAGEM DAS CRIANÇAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Layanna Prado

O presente artigo é o resultado de uma pesquisa qualitativa, que tem como objetivo analisar os pontos positivos da afetividade entre professor e aluno na Educação Infantil dentro do ambiente escolar. Buscou-se investigar de que forma a afetividade contribui para o desenvolvimento da criança. Diante do objetivo geral, designamos como objetivos específicos: Identificar como ocorre a relação professor/aluno nas turmas dos anos iniciais; Compreender o significado para o professor da importância da afetividade no processo educativo; Observar como se dá as práticas docentes utilizadas que apontam uma relação afetiva. A investigação partiu do questionamento: De que forma a afetividade entre professor e aluno na Educação Infantil contribui para o melhor desenvolvimento das crianças no processo de aprendizagem? Utilizamos como instrumentos e técnicas da pesquisa, a observação não participante e a aplicação de um questionário. As participantes da pesquisa foram duas professoras da rede municipal de ensino, que atuam na Educação Infantil em Parnaíba-PI. Alguns teóricos foram utilizados como fundamento para pesquisa, como: Wallon e Vygotsky(1994), dentre outros. Ensinar usando o afeto como instrumento, é criar uma aprendizagem significativa e prazerosa, que instigue na criança o gosto de aprender. O estudo demonstra o quanto se faz necessário que o afeto esteja sempre presente e a criança se sinta acolhida no ambiente escolar, que a interação entre aluno e professor é importante no processo de aprendizagem do aluno.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Afetividade; Criança; Ensino-Aprendizagem.

Baixar texto completo

PDF_ico.png