SÍNDROME DE DOWN: AVANÇOS E PERSPECTIVAS NO PROCESSO DE INCLUSÃO

Débora Vieira Silveira Leibante

Deli Vieira Silveira

A inclusão de alunos com deficiência no ensino regular tem fomentado debates e reflexões que contribuíram para a elaboração de políticas públicas educacionais inclusivas em nível nacional, estadual e municipal, todavia, sua implementação não tem se efetivado de forma satisfatória, considerando que um dos maiores desafios da escola nos dias atuais em relação ao processo de inclusão diz respeito a formação de professores que segundo especialistas da área, é uma das demandas emergenciais, considerando que o conhecimento a sobre as deficiências, transtornos e síndromes, possibilita o desenvolvimento de procedimentos, encaminhamentos didáticos e práticas pedagógicas que contribuirão para a efetivação da educação inclusiva. Nesse sentido, este trabalho parte da seguinte problemática: O conhecimento mais aprofundado a respeito da Síndrome de Down por parte daqueles que se encontram em contato direto com essa pessoa e tem como responsabilidade desenvolver ações que promovam o seu desenvolvimento físico, motor, cognitivo e afetivo, pode contribuir para um desenvolvimento satisfatório? Nosso objetivo será de apresentar informações científicas sobre a síndrome de Down, visando desmistificar pré-conceitos. Esse estudo será delineado a partir da pesquisa bibliográfica, para tal, realizaremos uma revisão da literatura científica buscando em artigos de revistas, livros, teses e outros documentos que abordem o tema pesquisado.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Síndrome de Down; Desenvolvimento; Procedimentos Didáticos; Educação; Inclusão

Baixar texto completo

PDF_ico.png