PEDAGOGIA DA INFÂNCIA:
RESPEITO A CONCEPÇÃO DE CRIANÇA

Cristiani Librelon De Lima Oliveira

O presente artigo aborda sobre as concepções de criança e de infância, apontando para a necessidade de uma pedagogia que tenha como diretrizes ações práticas embasadas nos mais atuais conceitos de Educação Infantil para promover o desenvolvimento integral das crianças que frequentam estes espaços de educação formal. Inicialmente, reflete sobre as especificidades da infância e como as características das crianças refletem na organização da Educação Infantil, no que concerne na estruturação de um espaço que respeite as necessidades deste público-alvo. Em sequência, explana a respeito da pedagogia como área de conhecimento que estuda alinhamentos entre teorias e praticas que inferem no ramo da educação, mostrando a essencialidade de que a pedagogia incorpore as concepções relevantes a cada etapa de educação, assim como traga alternativas de práticas pedagógicas favoráveis ao desenvolvimento das crianças quando se levanta a especificidade da Educação Infantil. Em continuidade faz levantamentos sobre a Pedagogia da Infância, refletindo sobre este tipo de pedagogia como uma área que atende as necessidades infantis, além de trazer a criança como sujeito social ativo, o que traduz a concepção defendida na contemporaneidade. Por fim, conclui apontando para a importância de uma pedagogia específica para a infância, como forma de dar voz e visibilidade as crianças, as suas especificidades e a forma que possuem de construir o conhecimento de si e do mundo. Traz por objetivo o fornecimento de subsídios para enriquecer reflexões em torno da Pedagogia da Infância e sua similaridade com todas as necessidades e características infantis, apontando para uma pedagogia que está alinhada a visão de criança que se tem na atualidade. Trata-se de uma pesquisa de revisão de literatura.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Pedagogia; Infâncias; Educação Infantil.

Baixar texto completo

PDF_ico.png