DESIGUALDADES E CONTRADIÇÕES AVALIACIONISTAS

Kelly Cristina Bueno Gazolli

O objetivo deste trabalho é identificar e compreender a importância das avaliações e seus conceitos em diferentes olhares, articulados às experiências vivenciadas no Curso de Língua Portuguesa e Docência do Ensino Superior. Após estudar a disciplina Avaliação Escolar e Concepções Pedagógicas de Ensino se deu a escolha do tema. É notório que ainda exista um olhar distorcido do que de fato se trata a avaliação da aprendizagem do aluno. Destaca-se que este trabalho se desenvolveu a partir de reflexões nas aulas e autores que abordam o tema. Objetivando a compreensão dos diferentes conceitos, bem como o papel do professor no processo de ensino aprendizagem. Tendo como parâmetros as experiências de cada docente que já está na rede de ensino por um período longo e vem acompanhando as mudanças ocorridas dentro dos métodos das avaliações. Busca-se desmitificar conceitos antigos que têm a avaliação como meio de classificar as escolas em índices ao contrário de mediar o processo de ensino aprendizagem. Devido à necessidade de uma compreensão clara e objetiva sobre a avaliação é que este artigo se fez necessário para que os mesmos se sintam mais seguros ao escolher seus instrumentos avaliativos, sendo mais justos e conscientes ao avaliarem seus alunos.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Avaliação. Desigualdades. Ensino.

Baixar texto completo

PDF_ico.png