A IMPORTÂNCIA DOS CONTOS DE FADAS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Vanessa Borges Pires de Carvalho

Este artigo tem como objetivo apontar a importância dos contos de fadas para o desenvolvimento integral de bebês e crianças, melhoria do trabalho pedagógico da Unidade Educacional e enriquecimento da prática do educador da infância como excelente instrumento enriquecedor para melhor desenvolvimento das propostas educativas tendo em vista os campos de experiências previstos na Base Nacional Comum Curricular (BRASIL, 2017), o eu, o outro e o nós; traços, sons, cores e formas; escuta, fala, pensamento e imaginação; espaço, tempo, quantidades, relações e transformações.
As histórias oferecem um momento único e fascinante para bebês e crianças, são passadas de geração a geração. Tendo como objetivo compreender como o professor pode aderir às práticas de contações de histórias e aguçar a curiosidade dos pequenos com momentos de prazer e descontração, tendo os contos de fadas como importante instrumento facilitador da prática educativa que aprimora a linguagem oral e artística e promove uma aprendizagem significativa para bebês e crianças.
Os contos de fadas nos apresentam qualidades poéticas que estimulam o imaginário, nos faz pensar e refletir, pois apresentam ambiguidades, permitem diferentes interpretações, trazem benefícios linguísticos desenvolve a sensibilidade, imaginário, ampliação do vocabulário, desenvolvimento do pensamento reflexivo e crítico, prazer pela leitura, além do refinamento da fala e da escuta.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Contos de Fadas; Educação infantil; Literatura infantil.

Baixar texto completo

PDF_ico.png