A INTERAÇÃO PROFESSOR- ALUNO E O PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO

Fatima Edenilza Aparecido

O tema do presente estudo é a prática docente e o processo de alfabetização na educação infantil, buscando compreender como se dá a relação professor–aluno no processo de alfabetização na educação infantil e de que modo o professor pode contribuir positivamente para o bom desenvolvimento deste processo. O objetivo do estudo é compreender a atuação do professor no processo de alfabetização do aluno da educação infantil e, para tanto, parte de uma concepção geral sobre a alfabetização, baseada nos pressupostos evocados por Paulo Freire, estabelece como ocorre a dinâmica do processo de alfabetização, enfatizando, especialmente, a importância da interação professor-aluno e das estratégias didáticas nesse processo. Por intermédio de pesquisa bibliográfica, o estudo conclui que no âmbito da educação infantil, somente a consideração de fatores ligados a uma educação humanizadora podem incentivar as crianças a desejarem aprender a leitura e a escrita, tarefa essa que deve ser assumida pelo professor na perspectiva traçada pelas ideias de Paulo Freire, ou seja, de que “ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção”. No sentido atribuído a essas palavras pelo estudo realizado, conclui-se que é por meio da interação pedagógica dialógica, amorosa, de respeito para com as crianças, que se podem criar as condições para uma alfabetização significativa, não mecânica e copista.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Alfabetização; Educação Infantil; Relação Professor- Aluno.

Baixar texto completo

PDF_ico.png