A CRISTANDADE E O ECUMENISMO
CHRISTIANITY AND ECUMENISM

Adelcio Machado dos Santos

O principal instrumento de articulação dos desejos de unidade entre os cristãos, na atualidade é o Conselho Mundial de Igrejas (CMI), que reúne a maioria das Igrejas Protestantes e Ortodoxas, dentre outras motivações, surgiu como fruto de um esforço de solidariedade entre os cristãos europeus, perplexos com a capacidade destrutiva da civilização moderna e belicosa que ajudaram a construir. (DIAS, apud, TEIXEIRA et al., 2008). Esse autor acrescenta ainda que essa tomada de consciência com relação há necessidade de uma concordância mínima entre cristãos e suas diferentes igrejas, para um testemunho consistente do Evangelho, nem sempre foram ocasionadas e norteadas pelas mesmas motivações. O movimento ecumênico, que traz a expressão de maneira mais aperfeiçoada no CMI será caracterizado pela busca da unidade entre cristãos, por um testemunho positivo do amor de Deus, “que deseja a unidade de todos os seres humanos sobre a base de uma justiça compartilhada que permita o desenvolvimento de uma sociedade mais humana, mais fraterna e mais disposta a repartir os bens e comungar ideias” (DIAS, apud ,TEIXEIRA, et al., 2008).

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Cristandade; Ecumenismo; Ocidente.

Baixar texto completo

PDF_ico.png