REFLEXÃO SOBRE O RACISMO, ABORDAGEM NECESSÁRIA PARA UM PROCESSO DE APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVO E ADEQUADO

Helena Furtado

A Sociedade hoje é repleta de diversas formas de manifestações de racismo, vivemos em uma sociedade extremamente preconceituosa, na qual há muita dificuldade em aceitar a diversidade, sendo da mesma forma enorme a busca pelo empoderamento de diversos grupos sociais, entende-se então que o preconceito está presente em todos os cantos da sociedade , e claro na escola ele também se torna uma realidade. A discriminação é presente em ambientes que permitem a pressão de uns sob os outros e a escola é um lugar que favorece este tipo de pressão , pois a competitividade permite que seus pares procurem se sobressair sob os outros, criando o bullying, ou até excluindo os ditos diferentes, podendo assim denominar tal pratica como racista. O interessante desta reflexão é que a criança não nasce racista, ela diante do que o meio oferece de conhecimento apropria-se de uma atitude que a faz se sentir diferente e até superior a outros, o que nos faz concluir que o racismo é uma doença social, que é criada para que alguns sintam-se mais fortes ou se sobressaiam socialmente, imaginando-se melhores ou superiores a determinado grupo. A escola tem o papel de orientar e apresentar esta realidade de forma a modificar esta realidade, desenvolvendo dentro de seu núcleo escolar um espaço para compreender a sociedade e perceber que todos independente da sua cor, etnia, ou clero somos iguais perante a lei, e aos homens.

RESUMO:

Palavras-Chave: 

Baixar texto completo

PDF_ico.png