top of page

EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR E INCLUSÃO:
EXCLUDENTE OU INCLUSIVA?

Mariana de Souza

RESUMO:

Atualmente a inclusão é um tema que origina discussões nas mais diferentes áreas da sociedade, para ser mais preciso, essa busca pela inclusão teve maior contemplação no início da década de 50. Afirma-se que a escola é um reflexo da sociedade, ou seria a sociedade um reflexo da escola? Nesse sentido a escola não poderia ficar de fora desta revolução para a inclusão, deste modo, surgindo algumas ambiguidades do sentido da verdadeira “inclusão”, como a confusão feita entre a inclusão escolar e educação inclusiva, discussão esta, que o estudo evidenciará. O presente estudo objetiva formular uma discussão sobre a educação e inclusão, como a Educação Física está contribuindo para o processo de inclusão no contexto escolar, se o professor está contribuindo para fomentação desta ideia. A presente pesquisa demonstra possíveis caminhos que o profissional de Educação Física pode trilhar para que suas aulas não se tornem palcos da “educação exclusiva”, incluindo não somente o aluno portador de alguma necessidade educacional especial, mas também aquele aluno que tem dificuldades de se expor para atividades propostas, se excluído automaticamente, aliás, se precisamos de inclusão é claro que temos excluídos. O presente artigo justifica-se pela necessidade de ampliar as discussões referentes à inclusão, seja no contexto escolar ou fora dos limites do mesmo, para que a sociedade torne-se cada vez mais adepta e respeitosa para com as individualidades de cada indivíduo, e aprenda a conviver com o “outro”, diferente. A metodologia utilizada neste trabalho é baseada em pesquisas de revisão bibliográfica, que levam o leitor a levantar suas próprias conclusões sobre o tema proposto.

Inclusão; Educação; Educação Física.

Palavras-Chave: 

Baixar texto completo

PDF_ico.png
bottom of page