RELEITURA DE OBRAS DE ARTE NO ENSINO FUNDAMENTAL: INTERSECÇÕES NECESSÁRIAS

Vania Regina Almeida

Resumo

O presente artigo tem como objetivo trazer à luz discussões pertinentes ao trabalho do professor da disciplina de Arte para o ensino fundamental, com ênfase para as séries iniciais. Nessa perspectiva, o intuito é apresentar um caminho possível para que a prática pedagógica com obras de arte tradicionais, tais como pinturas clássicas, figuras e afins, sejam abordadas de forma que mantenham uma relação direta com a vida e contexto dos discentes, dessa forma, o trabalho se torna lúdico, como deve sempre ser para essa faixa etária, além de despertar o interesse dos alunos para o conteúdo. Contudo, intuímos demonstrar, teoricamente, meios de como o professor precisa levar os seus estudantes a ressignificarem, a partir do seu contexto, obras importantes para a cultura ocidental, em especial, mas que, quase via de regra, não dialogam com a realidade dos referidos estudantes. Assim, o trabalho docente torna-se mais proveitoso e profícuo, uma vez que, por meio da ludicidade, a prática pedagógica torna-se bastante eficiente.

Palavras-Chave: 

Ensino de Arte; Releitura, Prática Pedagógica.

PDF_ico.png